Em noite de homenagem à delegação olímpica, João Derly se tornará kodansha

Em noite de homenagem à delegação olímpica, João Derly se tornará kodansha

Esta quarta-feira será mais um dia especial na vida do multicampeão João Derly. O primeiro brasileiro campeão mundial de judô e até hoje o único do país a ser bicampeão do mundo, o gaúcho será promovido ao sexto dan da faixa preta, sendo integrado aos kodanshas da Federação Gaúcha de Judô.

A promoção de Derly ocorrerá em uma cerimônia na Sogipa, às 19h, na qual os atletas e integrantes da delegação brasileira nos Jogos Olímpicos que atuam no Rio Grande do Sul também serão homenageados. Será o primeiro evento presencial promovido pela FGJ em 15 meses e será realizado respeitando protocolos rígidos.

“Será uma noite bastante importante”, ressaltou o presidente da FGJ, Luiz Bayard. “Vai ser muito especial o João Derly receber essa promoção em Porto Alegre e, principalmente, na Sogipa, único clube que defendeu ao longo de sua vitoriosa carreira. Por isso, faço questão de agradecer à CBJ, na pessoa do presidente Sílvio Acácio, em nos ajudar com esse evento.”

Campeão mundial sub-20, primeiro brasileiro campeão mundial sênior, em 2005, bicampeão em 2007, Derly foi um marco divisor no judô gaúcho e brasileiro, na opinião de seu treinador, Antônio Carlos Pereira, o Kiko. “O João escreveu seu nome na história ao abrir novas fronteiras com suas conquistas. Ele ajudou de forma decisiva na elevação de patamar da nossa modalidade, tanto em nível nacional quanto estadual”, afirmou Kiko. “Depois dele, vieram as conquistas de Tiago Camilo e o fenômeno que é Mayra Aguiar, além de tantos outros”, acrescentou o professor.

Derly entrará para o seleto grupo a ter a faixa coral no Rio Grande do Sul. Atualmente são 22 kodanshas, aqueles que são graduados com pelo menos o sexto dan da faixa preta. “Os kodanshas são nossa vanguarda, um grupo de professores respeitados por sua história e trajetória no esporte. O João, merecidamente, entra para esse grande time”, exaltou Bayard.

Delegação homenageada

Junto com a promoção de João Derly, a Federação Gaúcha de Judô irá entregar um troféu em homenagem aos integrantes do judô gaúcho na delegação olímpica do Brasil que competirá nos Jogos de Tóquio a partir do mês que vem. O RS terá uma participação recorde na Seleção Brasileira, com cinco judocas na equipe principal: Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg) e Mayra Aguiar (78kg); Daniel Cargnin (66kg) e Rafael Macedo (90kg).

Além deles, o judô gaúcho também teve David Dias convocado para integrar a equipe de apoio do grupo olímpico. O preparador físico Wagner Zaccani e o treinador Douglas Potrich, que é diretor técnico da FGJ, também viajam ao Japão integrando o grupo brasileiro.

“Temos uma participação expressiva nesta edição dos Jogos Olímpicos e entendemos isso como um reconhecimento ao trabalho desenvolvido aqui por professores, atletas e demais profissionais e familiares”, destacou Bayard. “É um trabalho sério, apoiado e fomentado pela Federação Gaúcha de Judô, que se orgulha do esforço de cada um desses integrantes, assim como reconhecemos o trabalho de todos que atuam, seja nos tatames ou nos bastidores, em prol do judô no Rio Grande do Sul”, concluiu o dirigente.

Posted in Notícias and tagged , .

Deixe uma resposta