judo social

Projeto de judô social beneficia crianças da Zona Norte de Porto Alegre

Crianças do bairro Mário Quintana, na Zona Norte de Porto Alegre, têm no judô uma ferramenta de inclusão social. Semanalmente, a comissão técnica do Lindóia Tênis Clube dá aulas no projeto de judô social 1º passo, no Orfanato Lar Esperança. A ação é desenvolvida pela Associação Desportiva Estudantil e Social Porto Alegre (Adespa), presidida pelo sensei Marçal Souza Neto.

Conforme o sensei, o projeto atua na prevenção de drogas, diminuição do índice de reprovação escolar, desenvolvimento da autoconfiança, disciplina e ética entre os jovens, combate ao bullying, integração da família com o esporte, entre outras medidas pedagógicas em prol dos alunos. As aulas atendem a dezenas de crianças no local – uma das áreas mais carentes da Capital.

O projeto está registrado no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente de Porto Alegre (CMDCA) e aprovado junto ao Funcriança. “É algo que atesta a seriedade e credibilidade”, destaca o professor Marçal. “O projeto utiliza exclusivamente o judô como ferramenta de inclusão social.”

Colaborações

O Projeto aceita colaborações para seguir seus trabalhos. Todas as pessoas físicas que recolhem Imposto de Renda e as jurídicas optantes pelo sistema de tributação sobre Lucro Real  podem destinar recursos. No caso das físicas ate 6% e para as jurídicas, 1% do IR para o Projeto 1º Passo II – Associação Desportiva Estudantil e Social Porto Alegre – Adespa no site do Funcriança. O prazo é até o dia 28/12/2018

O professor Marçal se dispõe a auxiliar pelo telefone 51-99985.5517 ou pelo e-mail adespa@terra.com.br.

Posted in Notícias and tagged .

Deixe uma resposta