Gaúchos lutam em duas frentes na Europa neste fim de semana

Clóvis tenta se manter no topo de sua categoria no sub-18 | Foto: Miguel Noronha / FGJAcompanhando a delegação Brasileira das categorias sub-18 e sub-21, nove judocas do Rio Grande do Sul lutam neste fim de semana na Europa. A equipe sub-18 atua na Romênia, enquanto a sub-21 tenta medalhas na Itália.

Bons resultados nos torneios europeus rendem pontos no ranking nacional das categorias de base, que definem no fim do próximo mês os relacionados para defender a Seleção Brasileira nos campeonatos mundiais das respectivas faixas etárias.

Clóvis Braga (Rio Branco), Brener Marcon (Kiai), Marcelo Braga (Sogipa) e os unionistas Felipe Maia, Camila Zeferino, Gustavo Cação e Carolynne Hernandez são os gaúchos na Seleção Brasileira sub-18. Camila Barreto (Kiai) e Guilherme Lócio (Sogipa) defendem o time sub-21.

Número 1, Clóvis sonha com o Mundial

Técnico de Clóvis Braga Jr. na Rio Branco, Sandro Nery lembrou a “ascensão meteórica” do pupilo, que já lidera o ranking nacional sub-18, ainda que 2013 seja o primeiro ano em que as viagens ao exterior tenham se tornado uma verdadeira rotina. “As constantes viagens internacionais estão fazendo com que ele amadureça rapidamente e a cada dia ganhe mais confiança”, aponta.

Quando está Canoas, porém, Clóvis recebe atenção especial, conforme o professor Sandro: “Estamos fazendo um trabalho especial com ele, tanto técnico quanto físico, além de um forte apoio psicológico”.

Se a convocação para o Mundial fosse hoje, Clóvis iria para o torneio por ser o líder do ranking em sua categoria, o que aumenta a atenção da comissão técnica, para que isso não o atrapalhe. “Ele trabalha com essa possibilidade, que certamente, embora todo nosso cuidado pode afetar negativamente. É evidente que acaba pressionado e de certa forma prejudicando, mas ele está bem preparado e a cada dia mais maduro”, garante. “Clóvis sabe também que é mais difícil manter-se no cume da montanha do  que chegar até lá e fazendo as coisas certas os resultados virão”.

Posted in Notícias and tagged , , , , , , , , .

One Comment

  1. Ótimos ensinamentos e não menos esperados de professores que são ( pais ) dentro do tatame para esses judocas como Sensei Sandro Nery ,e essa é a principal diferença na hora das dificuldades, boa sorte a todos ,SSSHHHOOOSSS….

Deixe uma resposta