Com 12 atletas do Estado na disputa, Grand Slam do Rio começa neste sábado

João Derly luta neste sábado | Foto: Daniel Zappe / Fotocom.netComeça neste sábado o primeiro dos dois finais de semana mais importantes da temporada para os judocas do Brasil. Em sequência, eles encaram o Grand Slam do Rio de Janeiro e a Copa do Mundo de São Paulo. Por ser anfitrião dos eventos, o País tem direito a uma delegação maior e contará com 52 competidores – 12 deles do Rio Grande do Sul.

Sobre os tatames cariocas será realizado um dos quatro torneios mais relevantes da Federação Internacional de Judô no ano. Mais de 400 atletas lutarão pelos 300 pontos no ranking mundial, que é destinado ao campeão. O ranking é decisivo para a classificação aos Jogos Olímpicos de Londres, no ano que vem. Experiência a eles não faltará. Dentre os inscritos, há 22 medalhistas olímpicos e 92 donos de medalhas em Mundiais.

Um dos principais destaques do Grand Slam é João Derly. Único brasileiro bicampeão do mundo, o gaúcho retorna às competições pela Seleção Brasileira após mais de um afastado em decorrências de lesões. Consciente que precisará de bons resultados para chegar a Londres-2012, ele se mantém tranquilo: “O fato de eu estar na Seleção já uma felicidade”, garante. “Só quem fica de fora sabe como estar aqui é bom”, acrescenta ele, que tantas vezes já levou o Brasil ao pódio em competições internacionais nos últimos 11 anos.

Outra estrela do judô gaúcho e brasileiro que lutará o Grand Slam é Mayra Aguiar. Aos 19 anos, ela já deixou de ser promessa para se tornar uma das principais e mais vencedoras atletas do País. Neste ano, conquistou dois bronzes nos Grands Slams de Paris e Moscou, tornando-se a única brasileira a alcançar tal façanha. Mas isso não a satisfaz. “Vou buscar outra medalha”, promete ela, que acredita que a torcida brasileira – que esgotou os ingressos para o Grand Slam – pode fazer a diferença.

Além da dupla, representarão o judô gaúcho no Rio e em São Paulo Felipe Kitadai, Diego Santos, Moacir Mendes Jr., Rodrigo Luna, Renan Nunes e Walter Santos; Taciana Lima, Maria Portela, Natália Bordignon e Rochele Nunes. Felipe, Diego, Moacir, Derly, Taciana e Manoela lutarão já neste sábado, enquanto o restante sobe no tatame no domingo. Nos dois dias, a competição inicia às 9h, no ginásio do Maracanãzinho.

Atualização: Manoela Braga, que lutaria na categoria 63 kg, foi vetada pelo departamento médico. Ela sentiu uma lesão e será preservada da disputada, visando a sua participação no Pan-Americano sub-20, no segundo semestre.

Posted in Notícias and tagged , , , , , , , , , , , , , , .

2 Comments

  1. Novamente desejo um KUMI KATA no momento certo a todos os judocas do RS , SSSSSHHHOOOOSSSSS……

Deixe uma resposta